terça-feira, 1 de novembro de 2011

POP ART


A Pop Art é um momento da história da arte bem interessante para trabalhar com os alunos, inclusive porque pode render uma boa discussão sobre consumo, publicidade, quadrinhos, cinema e mesmo sobre os limites entre arte e vida, fronteiras que foram progressivamente sendo diluídas desde o gesto revolucionário de Duchamp ao elevar um simples mictório a categoria de obra de arte.

Depois de ler sobre o assunto e de observarmos um grande número de reproduções de obras de Andy Warhol e Roy Lichtenstein resolvemos fazer uma atividade onde a principal questão fosse “eleger um objeto bastante comum para servir de ‘modelo’ para nossas pinturas”. O objeto escolhido foi o pregador de roupas. Desenhamos e pintamos uma grande quantidade deles, mas apenas uma pequena parte foi parar no nosso mural. Claro que não poderíamos deixar de fora uma pequena dose de ironia (típica da Pop Art), as pinturas de pregadores foram penduradas usando os próprios pregadores!




Gostou do trabalho que fizemos? Então deixe seu comentário. 

7 comentários:

  1. Muito boa essa atividade, vou realizar com meus alunos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Renata, se tiver um blog depois mande o link para a gente. Gostaríamos de saber como foi a atividade. Abraços!

      Excluir
  2. no futuro todos serão famosos por 15 Minutos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o futuro já chegou. o YouTube está aí para provar isso. Obrigado pelo comentário. Abraços.

      Excluir
  3. Minha fonte de pesquisa....adoro o blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Eliandra! Ficamos felizes em poder colaborar com a atividade dos colegas. Abraços! :D

      Excluir
  4. Anderson, veja que coincidência, acabei de olhar para alguns pregadores de roupas aqui em casa, e pensei: esses objetos podem render bons trabalhos. Depois disso, sento em frente ao computador e vou navegar no seu blog. O que encontro? Esse trabalho belíssimo. Obrigada pela dica, você é o professor de arte mais criativo que"conheço".

    ResponderExcluir